08/03/2018

3 desafios de empresas de comércio exterior e como lidar com eles

 

Quem atua na área de comércio exterior sabe que os processos de trabalho envolvem desafios diários. Afinal, a atividade lida com variáveis, como taxas, legislações e negociações, para começar. Então, como sobreviver a esse cenário?

No post de hoje, você vai conhecer os principais desafios de uma empresa de comércio exterior e conferir dicas para lidar com eles. Siga a leitura!

3 desafios do comércio exterior que você precisa superar

O principal desafio do comércio exterior é enfrentar a complexidade dos processos. É preciso lembrar: uma empresa do ramo não atua sozinha. Ela depende de boas parcerias, como a relação com fornecedores, por exemplo, e de fatores que fogem do seu controle. Isso inclui legislação internacional e acordos comerciais.

 

Abaixo, listamos os três principais desafios do comércio exterior e como lidar com eles. Confira!

1. Ter controle rigoroso da documentação

Todos os processos de uma empresa de comércio exterior envolvem uma quantidade significativa de papelada. Conhecimento de embarque, fatura comercial, packing-list. Esses são apenas alguns dos documentos necessários para o despacho aduaneiro. Como, então, controlar o fluxo da documentação e não errar?

Aqui a dica é utilizar softwares de gestão, responsáveis por automatizar tarefas. Dessa forma, o fluxo de atividades ocorre de forma mais ágil e produtiva. Além disso, o principal benefício da automatização é minimizar – ou mesmo eliminar – as chances de preencher algum documento errado.

2. Manter boas parcerias

Como já abordamos, contar com boas parcerias é fundamental para manter o fluxo da empresa. Um dos desafios mais relevantes do comércio exterior é encontrar fornecedores eficientes, que entregam as mercadorias em prazos curtos e cumprem todos os requisitos do contrato firmado com você. Mas encontrar fornecedores assim nem sempre é fácil.

É por isso que você precisa investir no gerenciamento. Isso ajuda a reduzir falhas ao longo do processo, garantir o custo-benefício das operações, controlar os fluxos da empresa e a qualidade do serviço.

3. Lidar com as variáveis do processo

Para ter sucesso, é essencial que a sua empresa tenha conhecimento de normas e legislações do comércio internacional e saiba analisar acordos comerciais. Mas esse é um desafio complexo. Afinal, cada país apresenta suas próprias leis e negocia de uma forma específica.

No entanto, não há uma fórmula mágica para isso. Para lidar com essas variáveis, você precisa ter profissionais qualificados na empresa. Por isso, a capacitação deve ser vista como um investimento no seu negócio. E isso trará bons resultados, já que os colaboradores também são responsáveis por fazer seu empreendimento girar.

Gostou dessas dicas? Então, compartilhe o conteúdo com seus amigos nas redes sociais!

voltar